sábado, 16 de julho de 2016

Cuidando de Orquídeas

Patrizia Meira me narrou este caso , na verdade é ela personagem do acontecido, com a fundamental participação de seu marido Thiago .
Patrízia tem paixão por Scottish Terriers, orquídeas e Van Gogh , não necessariamente nesta ordem.
A paixão por flores penso que herdou de sua mãe, Sra Eliana Meira .
São todos pessoas maravilhosas que tive a chance de conhecer graças a paixão comum pelos cães.
Pois moram todos em Recife , que nesta época do ano ( Julho/2016) tem experimentado dias mais quentes.
Thiago, detesta calor , já me disse que quando vier ao Rio será em época distinta do verão.
Cuidando de sua nova orquídea, em vaso, Patrizia a levou para o quarto, onde estava Thiago com o ar condicionado ligado .
A colocou em sua mesa de cabeceira .
Ao ver a flor Thiago perguntou :
- Porque você trouxe esta planta para o quarto ?
- Para ficar no frio, está quente lá fora .
Durante a noite, com sede, Patrizia acordou e foi buscar água no frigobar do quarto.
Para sua surpresa ao abrir o frigobar encontrou a orquídea .
Algumas folhas estavam mudando de cor, queimadas pelo frio.
A retirou, colocou de volta na mesinha de cabeceira .
Pela manhã , ao acordarem, perguntou a Thiago :
- Thiago , porque você colocou a planta no frigobar ?
A resposta foi ótima :
- Oxe, você não disse que ela gosta de gelo ?

Nenhum comentário: