Entre cães e gatos


Sou apaixonado por cães e admiro gatos . Tenho várias pessoas amigas com paixão por gatos, por sua independência, por sua quietude, afinal o gato não vive em uma matilha, ele simplesmente admite o convívio de pessoas a sua volta.
Este último fim de semana porém coloquei mais um argumento em minha balança a favor dos cães .
Não são ainda 6 da manhã e acordo no domingo com um som de um alarme.
Olho para o lado pensando que é o relógio da mesinha mas não, o som vem de fora.
Meu apartamento fica no 12o andar mas o som de alarme que descubro depois ser de uma casa vizinha chega como se estivesse em meu quarto.
Totalmente zen, em plena paz de espírito,  levanto a me  indagar se o mistério deste alarme tem algo a ver com a profissão da mãe de alguém.  
Não me lembro de ser vizinho de deputado, senador, vereador ou demais membros da classe política do país.
Relaxados e concentrados como eu outros vizinhos estão na varanda a observar. Uma mulher presente em uma varanda usa um robe com flores e o que parece ser uma touca na cabeça. Meu deus do céu, é assim que seu marido a vê penso eu.
Um carro de uma empresa de segurança chega, outras pessoas estão na calçada.
Não  demorou o carro a chegar, fiquei impressionado.
O sujeito sai do carro armado e pula o muro da casa. O alarme enfim é desligado.
Observo que o sujeito volta e pula o muro com um gato nas mãos. Deve ter sido o alarme de movimento que o gato disparou. Coloca o gato no carro e vai embora.
Nestas horas entendo porque gosto mais de cachorros .

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O nome da raça

Casos de Advogados

Mal entendidos da vida de hoje