terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Apelo Equivocado

O caso abaixo me foi narrado por Daniel Pedrozo , amigo, companheiro de trabalho.
Daniel e sua família são batistas, como ele mesmo diz traz a fé batista em seu dna .
----
O pastor americano estava há quase um ano acompanhando os cultos e trabalhos da Igreja Batista em Brasília .
Havia desenvolvido o aprendizado de português,mas ainda não se sentia pronto para dirigir a mensagem durante os cultos ,esta tarefa era sempre desempenhada pelo pastor brasileiro.
Desafiado por este , instado a prestar com força seu testemunho e convocar os fiéis , em português  preparou a mensagem .  A estudou e repetiu várias vezes pedindo sempre que o ajudassem na pronúncia de cada palavra .  O mais importante estava na paixão que havia dedicado, na força que pretendia transmitir .
No dia marcado ,  transcorreu o culto em sua ordem normal com a oração inicial, os hinos ,a leitura da palavra , oração , até a chegada do momento da mensagem.
Para surpresa da congregação o pastor americano assumiu o  púlpito e pregou .
Sua fala carregada de paixão e emoção a todos tocou .
Terminada a fala , ainda sentindo a emoção presente , se afastou .
O pastor brasileiro então lhe disse, você foi muito  bem , faça o Apelo .
No Apelo  o pastor convoca aqueles entre os presentes, que ainda não o fizeram , para vir a frente e proclamar a aceitação de Jesus, na companhia do Espírito Santo ,  enquanto a congregação permanece de pé e reza.
Há sempre um sentimento de vergonha  e  timidez entre  as pessoas para sair do lugar ,caminhar até a frente , passando no corredor entre todos , a reconhecer que pecaram .
Não pensou muito bem o pastor ao elaborar o apelo , dada sua dificuldade  no idioma, não havia ensaiado .
Sua fala foi :
- Venha aqui  sem vergonha ! Venha sem vergonha, Venha sem vergonha  !

Nenhum comentário: